E se... A dúvida que paira na cabeça de toda Mãe Homeschooler.

Como mães, passamos por incontáveis estações, vidas inteiras, no espaço de poucos anos. Desde dar à luz e criar um recém-nascido até navegar pelos anos da criança e ajudá-las a se tornarem jovens humanos responsáveis - tudo isso enquanto os mantemos vivos!

E em cada estação, tivemos que aprender novas habilidades para a ocasião e cavar fundo em busca de força e sabedoria para sobreviver.

De muitas maneiras, ser mãe é descobrir forças que não sabíamos que tínhamos e inclinar-nos para o amor quando não sabemos mais o que fazer.

Por alguma razão, porém, quando nossos filhos atingem os anos escolares "importantíssimos", presumimos que não temos mais o que é necessário para ajudá-los a aprender e crescer. 

Mas as mães têm esse tipo de qualidade mágica... para encontrar força nas circunstâncias mais desafiadoras.

Claro, erramos muito. Mas há algo dentro de nós que pressiona para frente, para fazer o que for preciso para ajudar nossos filhos a prosperarem.

Talvez novembro não tenha saído como você planejou. Talvez você não tenha encontrado seu fluxo desde o ano passado. Talvez você seja novo no ensino domiciliar e isso está se provando ainda mais difícil do que você imaginava. Talvez seus dias não estejam correspondendo aos seus ideais e você já esteja desanimada. Talvez você esteja se perguntando se pode fazer isso afinal...

Não desista! Não se canse de fazer o bem.

Sua tarefa mais importante não é executar planos de aula, administrar uma programação e garantir que seus dias sejam repletos de momentos incríveis.

Sua tarefa mais importante é conhecer e amar seus filhos, nutrir seus corações e mentes e descobrir todas as belezas ocultas nesta jornada em família.

Lembre-se: VOCÊ NÃO ESTÁ SOZINHA!

Um forte abraço,

Ju


Comentários (1)

Jezibel Macedo Santos

,
Muito obrigada. Precisava ler isso hoje ❤️

Deixe um comentário